mfa

Ler é viajar sem sair do lugar.

Ler é viajar sem sair do lugar.

FÁBULA é uma narração breve, de natureza simbólica, cujos personagens por via de regra são animais que pensam, agem e sentem como os seres humanos. Esta narrativa tem por objetivo transmitir uma lição de moral.

PARÁBOLAS.

PARÁBOLAS , falam de algo que o povo já conhece, para levá-lo a descobrir aquilo que ele nem imagina. Assim podem falar de realidades misteriosas como o Reino de Deus, por exemplo, como as parábolas de Jesus nos envolvem naquilo que está sendo apresentado e provocam uma iluminação por meio de uma comparação que nos faz perceber como a realidade funciona...

METÁFORA.


METÁFORA é uma figura de estilo (ou tropo linguístico), que consiste numa comparação entre dois elementos por meio de seus significados imagísticos, causando o efeito de atribuição "inesperada" ou improvável de significados de um termo a outro. Didaticamente, pode-se considerá-la como uma comparação que não usa conectivo (por exemplo, "como"), mas que apresenta de forma literal uma equivalência que é apenas figurada.

MITO é uma narrativa de caráter simbólico, relacionada a uma dada cultura. O mito procura explicar a realidade, os principais acontecimentos da vida, os fenômenos naturais, as origens do Mundo e do Homem por meio de deuses, semi-deuses e heróis. O mito só fala daquilo que realmente aconteceu do que se manifestou, sendo as suas personagens principais seres sobrenaturais, conhecidos devido aquilo que fizeram no tempo dos primordios. Os mitos revelam a sua actividade criadora e mostram a “sobrenaturalidade” ou a sacralidade das suas obras. Em suma os mitos revelam e descrevem as diversas e frequentemente dramáticas eclosões do sagrado ou sobrenatural nomundo. É está “intormição” ou eclosão do sagrado(sobrenatural), que funda, que dá origem ao mundo tal como ele é hoje. Sendo também graças à intervenção de seres sobrenaturais que o homem é o que é hoje.

Desperte para o Mundo Encantado da Leitura.


clock-desktop.com

sábado, 30 de janeiro de 2010

Onde os Monstros Vivem

Longe de ser filme infantil, 'Onde os Monstros Vivem' toca, mas é para poucos. Foto de divulgação.
Não se engane pela impressão das imagens, "Onde os Monstros Vivem", que estreia no circuito nacional no dia 15 de janeiro, não é um filme infantil. Baseado no livro homônimo que está na cabeceira de dez entre dez crianças nos Estados Unidos, o longa de Spike Jonze é triste, sombrio e mostra uma imagem da infância nitidamente vista pelos olhos de adultos. O drama do pequeno Max (Max Records), que entra em conflito com a mãe (Catherine Keener) e com a irmã (Pepita Emmerichs) por relutar em aceitar o amadurecimento e o mundo dos adultos, fugindo para uma ilha de criaturas fantásticas onde cria um verdadeiro paraíso infantil é encantador, mas tem um problema fundamental: definir seu público-alvo.

Visualmente, "Onde os Monstros Vivem" é impressionante e consegue tocar com imagens que evocam as memórias da infância dos espectadores. Quem conseguir viajar com a sensibilidade do longa vai facilmente identificar facetas de Max e seus problemas nos monstros da ilha, além de perceber as várias referências aos conflitos que toda criança enfLonge de ser filme infantil, 'Onde os Monstros Vivem' toca, mas é para poucos. Foto de divulgação. renta com o amadurecimento e a aceitação.

Mas nem todo adulto é facilmente tocado pelo visual infantil do filme, e que é pouco recomendado para crianças. Apesar de belo e emocionante, o longa mantém um clima de melancolia do início ao fim. Todos os personagens parecem tristes e o agrado ao público infantil está apenas em algumas cenas mais animadas do grupo. A história e os complexos conflitos em jogo dificilmente vão agradar os mais jovens. Em alguns países nos quais foi lançado, "Onde os Monstros Vivem" não chegou a ser censurado, mas recebeu indicações de não-recomendado para crianças.

No fim, é fácil entender porque o filme foi eleito como um dos melhores do ano passado (ele foi lançado internacionalmente em dezembro) por vários críticos nos Estados Unidos. Ele é sensível e consegue despertar de maneira exuberante a simplicidade, as alegrias e as tristezas da infância. No entanto, "Onde os Monstros Vivem" deixa a nítida impressão de que não é um filme para todos.

Veja o trailer do filme



Nenhum comentário:

A ÁGUIA ------ Motivacional